Crie um site como este com o WordPress.com
Comece agora

Estudo analisa canabidiol no tratamento de síndrome pós-covid

A popularização dos tratamentos à base da Cannabis Medicinal no país, com produtos importados ou nacionais, e as recentes decisões judiciais permitindo que pacientes cultivem a matéria-prima de seus remédios, trouxeram esta planta e seus princípios ativos para o centro do debate médico e social. De modo auxiliar, a pandemia de COVID-19 fez surgir o interesse nos tratamentos a partir de canabinóides para as sequelas da doença e mesmo para incremento da imunidade dos profissionais da saúde que estão atuando na linha de frente no combate à pandemia. Reaja

Um estudo sobre os efeitos do canabidiol (CBD) medicinal no tratamento da síndrome pós-covid-19 selecionará cerca de 1.000 voluntários para iniciar os testes em fase 3 – quando envolve seres humanos. A pesquisa, elaborada por cientistas brasileiros, avalia que o CDB, um dos princípios ativos da maconha, seja capaz de reduzir as sequelas deixadas pela doença. O Estado de São Paulo in: PODER360

Coordenador da pesquisa, o cardiologista Edimar Bocchi explica que a Covid causa a inflamação de vários órgãos do corpo humano, com sintomas muito diversos.

Segundo ele, que também trabalha no Incor (Instituto do Coração da Faculdade de Medicina da USP) onde a pesquisa será realizada, estudos apontam que entre 10% e 20% de quem foi infectado pelo Sars-CoV-2 deve apresentar a Covid longa. Samuel FernandesFolha de S.Paulo

A síndrome pós-covid ocorre quando o paciente relata a persistência dos sintomas por 60 dias ou mais depois do início da infecção. Em geral, isso está relacionado a uma resposta imunológica exagerada do organismo ao vírus, o que ocasiona um desequilíbrio da produção de proteínas do sistema imune, as citoquinas.

Entre os problemas relatados pelos pacientes, estão fadiga, insônia, dores de cabeça, fraqueza muscular, distúrbios na memória depressão, ansiedade, entre outros. Os pesquisadores acreditam que a CBD seja eficaz no controle das citoquinas. A substância já possui efeitos positivos comprovados contra quadros inflamatórios graves.

O estudo de fase 3 está previsto para ter início em outubro. Ele será coordenado pelo Instituto do Coração da Faculdade de Medicina da USP em parceria com a empresa canadense Verdemed, produtora do CBD medicinal.

O estudo deve durar inicialmente por três meses e será composto por 300 pacientes diagnosticados com Covid longa que tiveram um comprometimento importante na qualidade de vida ou uma diminuição na capacidade de realizar exercícios físicos. Ao final, o objetivo dos cientistas é exatamente conseguir saber se o CBD traz alguma melhoria nesses dois aspectos.

O canabidiol pode interromper a disseminação da Covid-19 nas células pulmonares, e até mesmo inibir a contaminação pelo novo coronavírus. É o que sugere um estudo realizado por cientistas ligados à Universidade de Chicago, nos EUA, utilizando o óleo derivado da cannabis. Vitor Paiva – Hypeness

Intitulado ‘Canabidiol inibe a replicação da SARS-Cov-2, causador da Covid-19, e promove a resposta inata imune do hospedeiro’ em tradução livre, o estudo foi publicado no servidor científico bioRxiv, e aponta diversos outros benefícios que o uso da maconha medicinal pode trazer no combate ao vírus.

Outra conclusão importante foi que o canabidiol reverteu a chamada ‘tempestade de citocinas’ – reação de inflamação extrema contra o sistema imunológico -, uma das principais causas de morte entre os quadros agravados da Covid-19.

É importante frisar que não há ainda nenhum tratamento preventivo de benefício comprovado contra a Covid-19, e que o uso de medicamentos sem o aval científico pode ser fatal – a pesquisa com o CBD é promissora, mas ainda carece de novos experimentos e testes, sugeridos pela própria publicação.

Em 2019, a Anvisa regulamentou o uso de medicamentos derivados da maconha e permitiu sua venda em farmácias – essa autorização permite o cultivo legal da cannabis no país.

Publicado por Edson Jesus

Welcome: https://edsonjnovaes.wordpress.com/ https://aicarr.wordpress.com/ https://mbaemopara.wordpress.com/2021/11/18/medicina/ https://jesushemp.wordpress.com/

3 comentários em “Estudo analisa canabidiol no tratamento de síndrome pós-covid

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: