Manuscrito Antigo dos Essênios revela que Jesus Cristo nos alertou sobre as religiões

No final da década de 1940 e até meados de 1950, foram descobertos os Manuscritos do Mar Morto, que teriam sido escritos pelos Essênios, um grupo asceta que viveu entre 150 a.C. e 70 d.C. A coleção de textos e fragmentos de textos foi encontrada nas cavernas de Qumran, próximas ao Mar Morto, e trazem revelações importantes, sobretudo a de que Jesus teria alertado os povos sobre as religiões. A.I. Carr

Manuscrito Antigo dos Essênios revela que Jesus Cristo nos alertou sobre as religiões – Fatos Desconhecidos

De acordo com os historiadores, o texto decifrado contém o calendário de 364 dias dos essênios, um grupo asceta judaico antigo. Vale destacar que o manuscrito, entre outras coisas, descreve duas festas que não são mencionadas na Bíblia. Trata-se dos Dias do Novo Vinho e do Novo Óleo, festejados após a Festa da Colheita. Jornal do Brasil

“De acordo com o calendário, a Festa da Colheita vem 50 dias depois do primeiro sábado após o Pessach; depois de 50 dias, é celebrada a Festa do Novo Vinho; após outros 50 dias, vem a festa do Novo Óleo”, se lê no manuscrito.

Os essênios eram uma seita judaica que surgiu no II a.C. Primeiro, os integrantes do movimento viviam nas cidades e aldeias da Judeia, depois fundaram as próprias colônias no noroeste do mar Morto.

Os manuscritos do mar Morto, encontrado em cavernas de Qumran, descrevem a vida cotidiana e as crenças dos essênios e contêm informações únicas sobre a vida dos primeiros cristãos, fragmentos do Evangelho e cenas originais da mitologia hebraica. Os 900 manuscritos encontrados no total são datados do período entre III a. C. e I d.C. 

FOTO DE JONAS BENDIKSEN

Em 1979, enquanto jejuava, Alvaro Theiss chegou à conclusão de que era Jesus Cristo renascido. Ele recebeu uma mensagem divina na forma de uma voz em sua cabeça. Nos dias que se seguiram, abandonou o nome antigo e passou a se referir como “Inri Cristo”, uma homenagem à inscrição “Iesus Nazarenus Rex Iudaeorum” feita pelo governador Pôncio Pilatos na cruz onde Jesus morreu. SHAENA MONTANARI – NATIONAL GEOGRAPHIC PARTNERS

Jesus e o Essênios tinham fins contrários do espectro em consideração às
mulheres. Jesus incluiu mulheres em seu grupo, considerando-as discípulas, ensinando as sagradas escrituras (Lk 10:38-42), e até mesmo quebrou tabus Judaicos por conversar com uma mulher Gentia da Syrophoenicia e uma mulher de Samaria. Como R. Hamerton-kelly tem mostrado,

Pinterest

“Jesus quebrou as formas da família patriarcal em nome de Deus o Pai, e
reconhecendo o direito natural das mulheres para a humanidade igual aos
homens”

Aqui tem mais: JESUS TERIA USADO Kaneh-bosm PARA CURAR DOENTES, PROIBIÇÃO DA KRATOM E USO POPULAR

Publicado por Edson Jesus

Welcome: https://edsonjnovaes.wordpress.com/

2 comentários em “Manuscrito Antigo dos Essênios revela que Jesus Cristo nos alertou sobre as religiões

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie seu site com o WordPress.com
Comece agora
%d blogueiros gostam disto: